quinta-feira, 6 de outubro de 2011

O Sofrimento do Calvário




O Céu estava parado pela primeira vez na Historia, anjos não cantavam o Pai não sorria... Na Terra uma Noite de Tristeza, com um toque de Amargura, as dificuldades só tinham a aumentar. La estava o Salvador da humanidade, sendo Humilhado de todas as formas possíveis, seus AMIGOS fugiram o abandonando, estava sendo condenado por algo que não merecia; Espancado em praça publica como um malfeitor. O Rei que recebeu a coroa mais dolorida, não feita de ouro e brilhantes, mas sim de Espinhos! Agora com uma cruz nos ombros trilhando o caminho mais difícil de toda a sua vida terrestre, a via dolorosa. Chega ao ponto final, o deitam sobre a cruz. As farpas entram em seus ferimentos e a seção de tortura continua, pregam uma mão e ao pregar a outra desconjuntam seus ossos, pregam seus pés e pronto! Estava pronto para ser levantado como um “malfeitor” para que todos que por ali passem assim imaginassem...
                 Se não bastassem as dores do corpo, o Senhor sofre na Alma e Espírito...
                Sacerdotes que eram pra ser os lideres espirituais do povo, eram os primeiros a blasfemar e o atacar com suas palavras dizendo: Se tú és o Cristo desce da Cruz e salva a ti mesmo! Mas O Senhor tinha objetivo maior que provar alguma coisa a sacerdotes falidos, A Salvação da Humanidade estava em Jogo! Um Ladrão crucificado junto blasfema e o ironiza. Seus Amigos Fugiram o deixando no momento que mais precisava de um Companheiro. Apenas João em silêncio havia ficado. Onde estavam os outros que haviam jurado fidelidade até a Morte? Onde estavam os paralíticos, os Cegos, os Surdos, os Mudos, os Enfermos que foram tocados pela Mão do Senhor e curados? O Senhor Sofre nas sede dos sentimentos Humanos, a sua ALMA sangra. Porque Foi abandonado na Cruz pelos seus. (detalhe: sofria sem merecer, estava sofrendo pelos próprios que o amarguravam...)
                Abandonado por “todos” aqui na terra. Sem Amigos ou defensores, estava pregado numa Cruz. Recorre àquele que nunca o tinha abandonado, auxílio presente em todos os momentos, aquele que o consolava nos momentos em que mais precisava Seu PAI! Olha para o alto e vê o trono da eternidade, o Pai de todas as horas, auxilio na angustia, agora estava de costas para o sofrimento do Filho! ...O isso doeu mais que todas as chicotadas e blasfêmias... Seu Espírito está machucado como nunca, pela primeira vez e Senhor sente a “ausência” do Céu. Ele sofre no Espírito!
            Ele sabe o que é SOFRER no corpo... O seu foi dilacerado pelos chicotes Romanos!
Ele sabe o que é SOFRER na ALMA... Seus sentimentos foram pisados e seu objetivo                     foi totalmente desprezado pelos homens.
Ele sabe o que é SOFRER no ESPIRITO... No momento em que mais precisava de uma palavra, o Pai estava de costa para Ele!
Nunca diga que esta sozinho, abandonado ou que o Senhor não sabe o que você passa. O Senhor conhece seu sofrimento e Você já pensou no d’Ele?
                

Um comentário:

Cassia Ramos disse...

Grande foi o Sofrimento de nosso Jesus, devemos a cada dia ser gratos e fazer a vontade de Deus com amor e dedicação.